Últimas públicações

Projeto de territorialização em saúde é implantado em Inácio Martins

Cartaz explicativo sobre o novo formato de atendimento
Imagem: Divulgação
O projeto consiste em organizar os locais de atendimento em saúde dos moradores do município 

Depois de meses de estudo, a Secretaria Municipal de Saúde de Inácio Martins, implantou no município um novo modelo de atendimento em saúde. O novo formato de atendimento atende recomendações do Projeto PLANIFICASUS, do Governo do Estado do Paraná. Os atendimentos com estas divisões iniciaram na última terça-feira (17/03).

"O Governo do Paraná, escolheu a 4ª Regional de Saúde, o qual fazemos parte, para implantar o projeto piloto do PLANIFICASUS. O projeto tem como objetivo o cuidado com a saúde do idoso, por causa da inversão da pirâmide etária, ou seja, estão nascendo menos crianças e as pessoas estão vivendo mais, então em um futuro próximo teremos esta inversão da pirâmide etária, onde precisamos estar preparados", conta a secretária de saúde, Ângela Macarroni.

Segundo a secretária de saúde, dentro desta ideia, o Projeto de Territorialização, consiste em cada equipe conhecer o seu território, para criação de estratégias de cuidados, tanto para os idosos, hipertensos, diabéticos, crianças e demais pacientes. "Para que isso aconteça, foi preciso fazer um diagnóstico no nosso município, pois já tínhamos a ideia, de que o centro da cidade era descoberto por visitas de agentes de saúde. Então em uma força tarefa, os nossos agentes comunitários de saúde, foram atualizando os cadastros dos moradores do centro e de algumas regiões do interior, que eram descobertas deste tipo de atendimento", explica.

"Com esse estudo foi possível uma nova divisão do território, para que toda a população tenha uma unidade de referência, para assim, receber os atendimentos das equipes e visitas dos agentes comunitários de saúde". 

De acordo com a secretária de saúde, a divisão das comunidades rurais ocorreu de forma que facilite para os moradores irem até a unidade de saúde, levando em consideração as linhas de transporte. 

"Com este projeto, manteremos os recursos que recebemos, e facilitaremos o processo para receber novos recursos para saúde", concluí a secretária de saúde. 

Veja como fica a distribuição:  

UAPSF (Rua Rosendo Costa Cristo - próximo a quadra de areia)
  • Vila Borges
  • Rio pequeno
  • Vila Javaski
  • Vila Mattos Leão
  • Da rua Duque de Caxias para cima - Sentido Colégio Estadual Parigot de Souza
UBS Central (Rua José de Mattos Leão - próximo a Biblioteca Cidadã)
  • Quarteirão dos Stresser
  • Campina Bonita
  • Santini
  • Alto da Torre
  • Queimadas
  • Vila rural
  • Jaguatirica
  • Sobradinhos
  • Leonópolis
  • Cachoeira 
  • Coloninha
  • São Miguel
  • Cohapar 2 
  • Da rua Duque de Caxias para trás - sentido Escola Municipal Mara de Jesus Turra
EAP - Equipe de Atenção Primária (Anexo ao Pronto Atendimento Municipal - Afonso Pena, 734)
  • Vila Curtume 
  • Vila Nova  

Comunidades rurais com unidades de saúde - atendimento em cada unidade
  • Rio Claro
  • Santa Rita
  • Papagaios
  • José Dias
  • Góes Artigas
  • Colônia Alemanha 
  • Faxinal do Posto
  • São Domingos