Últimas públicações

Unicentro promove pesquisa com estudantes sobre aulas não presenciais

Imagem Ilustrativa
Reprodução Assessoria Unicentro

Iniciativa pioneira busca conhecer a opinião e a condição dos alunos no que diz respeito a possíveis encaminhamentos de atividades não presenciais
.
Os Conselhos Superiores da Unicentro devem debater, na próxima semana, sobre as alternativas acadêmicas para o momento de pandemia atual. O objetivo é atender as determinações e recomendações em relação às medidas de enfrentamento ao Coronavírus (Covid-19).
Uma das alternativas é o uso de atividades não presenciais, tendo em vista que o Conselho Estadual de Educação (CEE), por meio da Deliberação 01/2020, permitiu que, excepcionalmente, enquanto perdurarem as medidas de distanciamento social, as disciplinas teórico cognitivas podem ser substituídos por meios/tecnologias não presenciais.
A Unicentro está analisando a legislação, bem como as regulamentações que dizem respeito a aulas não presenciais, com objetivo de empreender discussões junto aos conselhos superiores de Ensino, Pesquisa e Extensão (Cepe) e de Administração (CAD), com reunião conjunta prevista para a próxima semana.
Neste sentindo, a Reitoria da Unicentro também está preocupada com a situação acadêmica dos alunos (aulas, calendário, formaturas etc.) e, dessa forma, elaborou uma pesquisa para conhecer a opinião e a condição do estudante no que diz respeito a possíveis encaminhamentos de atividades não presenciais. O intuito é conhecer um pouco mais os alunos, principalmente, em questões que podem afetá-los caso atividades não presenciais sejam implantadas nesse período de pandemia. Dentre as perguntas estão aquelas que buscam conhecer as dificuldades de acesso à internet e se o acadêmico possui conhecimento para atividades na modalidade não presencial e em Ambientes Virtuais de Aprendizagem, bem como se é favorável a este formato de ensino neste momento.
O reitor da Unicentro, professor Fábio Hernandes, destacou que a pesquisa é rápida, levando em torno de dois minutos, e que a participação estudantil é muito importante para a decisão que será tomada nos conselhos superiores. “Queremos uma universidade participativa. Por isso, optamos por algo pioneiro na história da Unicentro, pedindo a opinião dos alunos em algo que envolve diretamente a eles. As respostas dos estudantes irão amparar os debates em nossos conselhos superiores”, disse Hernandes.
.
COMO PARTICIPAR DA PESQUISA

Para participar, o aluno deve acessar a pesquisa (acesse aqui), preencher o número do Registro Acadêmico (RA) e em seguida responder as perguntas.
Para os estudantes que ainda não retiraram o RA, basta entrar em contato com a Divisão de Apoio Acadêmico (Diap) do seu campus que o número será enviado por e-mail. Os endereços eletrônicos das Diap’s são as seguintes:
Texto: Reprodução Assessoria Unicentro